image135O Brasil de tem 8,5 milhões de quilômetros quadrados. Pouco mais de um terço, ou seja, apenas 3,1 milhões de quilômetros quadrados, são destinados para os brasileiros. O restante, uma área de 5,4 milhões de floresta é destinada aos animais. Não quaisquer animais, apenas para aqueles que não produzem divisas: Bois, vacas, cavalos, cabras e ovelhas, ficam no espaço dos brasileiros da para acreditar?

image136Se uma mãe levar seu filho a beira da morte num hospital público, e outra senhora levar um macaco doente aos recursos, o macaco é prontamente atendido, enquanto a criança que esta por morrer, fica esperando por horas e horas, isto é se não morrer antes de atenderem. Seria bizarro se não fosse revoltante.

image137As cédulas de dinheiro brasileiro é outra aberração, onde só se vê animais, vejamos: Nas cédulas de R$ 2,00 está a Tartaruga Marinha. Na de R$5,00 esta a Garça. Na de R$10,00 a Arara. Na de R$20,00 a majestade o macaco leão dourado. Na de R$50,00 a Onça pintada. Nas de R$100,00 esta a Garoupa. Nada contra os animais, mas, ai se pergunta: porque não estão nas cédulas nossos estadistas, a exemplo: Juscelino Kubichek? Tancredo Neves, Santo Dumont? Rui Barbosa e outros mais? Cadê nossa historia? Não é uma piada?

image138Se você tiver um animal selvagem preso em seu pátio e chegar um fiscal do IBAMA, (veja bem você não matou o animal), a lei fica mais branda, se você matar o fiscal. Caso contrário, você é preso na hora, inafiançavelmente.

image139O ministério do meio ambiente em 2008 recebeu para cuidar das áreas florestais dos macacos (pois parte delas a lei não permite sequer brasileiros entrar) R$. 2,9 bilhões enquanto o Ministério do desenvolvimento, Indústria e Comércio, que geram riquezas e empregos para nosso povo desempregado e faminto, recebeu apenas R$. 1,3 bilhão. Menos da metade, do que os macacos receberam. É de chorar, não é? Cadê os empregos? No bolso de quem vai esta dinheirama toda? O que se sabe é que, as ONGs máfias verdes, levam uma enorme fatia desta dinheirama, na chamada frescura e farra ambiental, ou eco turismo.

image140O ministro do Meio Ambiente quer agora, monitorar todos os biomas das matas brasileiras. Ai se pergunta: por que o governo em vez de gastar milhões e milhões com isto, não monitora onde se encontram os bandidos das grandes cidades? Porque não monitoram os bolsões de miséria deste país? As regiões que faltam saúde?

image141Porque não monitoram a prostituição infantil? O desemprego que assola o Brasil? Tudo isto também seria cômico, se não fosse trágico.

image142O Governo Federal começou colocar Fiscalização eletrônica para tentar conter desmatamento na Amazônia com chips na arvores. Ai se pergunta, porque todo este aparato eletrônico via satélite não são aplicados para conter a bandidagem? A corrupção governamental? Os pedófilos? Porquê? E o ser humano como fica? Boa parte dos brasileiros nem certidão de nascimento tem. Precisamos saber onde estão estas pessoas. Porque só meio ambiente? Queremos sim, é “um ambiente completo”, e na frente, o ser humano.

image143Na Amazônia, ou melhor, no Brasil os problemas não são os biomas que tanto falam, mas sim, os Idiomas, ingleses, Frances, alemães, espanhóis e outros, representados pelas tais, ONGS máfias verde, mandando e roubando nossa biodiversidade e até sangue de índios, e os órgãos competentes fecham os olhos, e o povo distraidamente não nota.

image144A Amazônia Legal perfaz 61% do território nacional, significa que, o Brasil sem a Amazônia, seria pela sua grandeza, um nanico com apenas 39% do que é hoje. E os brasileiros não se dão conta do que estão perdendo com a criação de parques e reservas constituídas em cima de propriedades particulares.

image145Não é piada, quando foi morta na Amazônia estado do Pará a tal “incentivadora de invasões”, araçoeira Irmã Dorothy Stang, (tanto é que depois da sua morte, a paz voltou a reinar na região). Notem bem: para a ambientalista americana, o governo federal (LULA), mandou 2.000 soldados para prender o suposto bandido. Tais soldados ficaram dois anos no Pará. Tem mais, o governo criou arbitrariamente vários Parques e Reservas ambientais somando-se vários milhões de hectares de terras em cima de áreas habitadas, em homenagem a tal Irmã. “Na mesma ocasião”, mataram uma Irmã religiosa brasileira na África, e sepultaram no meu Rio Grande Do Sul, praticamente como uma indigente, sem qualquer cerimonial, Isto é uma vergonha. Em quanto isto, os bandidos andam soltos em todos os quadrantes do Brasil por falta de policiamento. È ou não é. Que brasileiro pouco vale, e na Amazônia são perseguidos.

image146É proibido morrer, foi o que desesperadamente decretou no município de Biritiba-Mirim-SP o prefeito municipal Roberto Pereira da Silva, em protesto contra a “BURROcracia” ambiental do fadado Ministério do Meio Ambiente, onde 89% do município é reserva de nascentes e o restante 11% é também área proibida da Serra do Mar, que a anos a Prefeitura tentava construir um novo cemitério, (pois o existente do século 18 estava transbordando de defuntos), e a frescura ambiental, não queria autorizar a construção do novo cemitério. É só no Brasil para se ver tamanho desmando. Foi só assim para o prefeito conseguir. É ou não é frescura ambiental? Cadê o respeito pelo ser humano? Até defunto é humilhado pela frescura ambiental.

image147Na Amazônia ao construírem uma rodovia asfaltada, numa certa reta da estrada se encontrava uma arvore de estrutura média, (ai iniciou-se a frescura ambiental). Para não derrubarem a misera arvore, resolveram a contornar a mesma com pista dupla. O dinheiro a ser gasto com tal frescura daria para se plantar diversas mil arvores nas laterais da rodovia. O pior de tudo é que, o tal contorno do asfalto, vai ficar meio comprido, e num abre e fecha, a imagem ficara exoticamente sexual.

image148Também na Amazônia, estão construindo uma PCH (hidrelétrica) e ao limparem o local a ser inundado pelo reservatório de água, descobriu-se que na copa de uma das árvores, existe um ninho onde pernoita uma ave. Resultado, ambientalista achara por bem não perturbarem a tal ave, e a arvore vai permanecer perigosamente de pé. Moral da história: Caso um pobre ser humano (brasileiro lógico),estivesse no local de tal ave, seria expulso sem sombras de duvidas, a tiros e a arvore seria derrubada.

image149A perseguição do IBAMA com o agropecuarista. Como é do conhecimento do Brasil e do mundo o TIETE é um dos Rios mais poluídos no planeta. 90 km após passar pela grande São Paulo, ele volta a ser um rio de águas límpidas e até turístico. Ai o IBAMA que não vê as toneladas de lixos até tóxicos que jogam no TIETE em São Paulo, mas aparece para multar um morador que tem propriedade próxima ao rio e o proíbem deixar seu gado beber água no próprio Tiete. É ou não é uma perseguição em cima dos agropecuaristas?

image150As hidrelétricas produzem energia limpa. Ao formarem grande lagos de reservatórios para as mesmas, garante-se água para assegurar energia em caso de estiagens. Os mesmos acabam beneficiando também o cri ame de peixes, explora-se o turismo, hidrovias, irrigações, bebedouro para o gado, conserva a região com boa umidade climatizando o ar, da fidelidade as chuvas, valorizando a região. Dentro da frescura ambiental, aparecem os órgãos ambientais, proibindo a criação de grande lagos, inviabilizando o alto potencial da hidrelétrica e expondo a mesma a rápido racionamento em caso de estiagem. Aqui a frescura, associa-se com a burrice.

image151O Pantanal Mato-grossense, por ser proibido caçar jacarés, conta hoje com uma super população da espécie, razão pela qual os mesmos estão acabando com varias espécie de peixes. Precisaria sacrificar 90% dos jacarés para dar um equilíbrio ecológico, mas a frescura ambiental, somando com a burocracia, muitas espécies de peixes estão sendo extintas. Ha se fosse por parte dos pescadores. Em quanto isto, os mato-grossenses pagam um olho da cara, por um quilo de peixe e muitos passam fome por não poder pescar. Em todo o pantanal existe apenas um pequeno abatedouro.

image152Não é piada, o IBAMA comandado pelas ONGs máfias verde, são os maiores causadores e incentivadores da destruição florestal da Amazônia. O órgão aplica multas astronômicas muito acima do valor da terra. O proprietário vendo que a multa é impagável, e seu CPF esta queimado, inicialmente tem vontade de chorar, em seguida da uma baita risada, vai e derruba tudo que pode forma lavoura ou pastagem e vende a propriedade por um preço melhor. Compra outra área barata e repete o feito, assim por diante, pois o mesmo não tem mais o que perder.

image153Para finalizar, se não “frouxa REM” as incabíveis leis ambientais, dentro de poucos anos, o povo brasileiro e o mundo, poderá estar pagando por certos tipos de cereais e carne, valores astronômico, para muitos ficarão inacessíveis, aumentando a fome. Ou o Brasil acaba com a frescura ambiental, ou a frescura acaba, com o Brasil.