O Luverdense acaba de conquistar uma bela vitória de 4 a 0 em cima o Ação, no Passo das Emas. Depois de um primeiro tempo meio equilibrado, no segundo tempo o alviverde maltratou os visitantes, que além do jogo, perdeu também a liderança da competição.
Com o resultado o Luverdense assumiu a vice-liderança com 7 pontos. Já o Ação caiu duas posições na tabela de classificação e ficou em 3º, com 6 pontos.
Na próxima rodada todos os jogos serão no domingo. O Verdão do Norte enfrenta o Poconé, no estádio Neco Falcão. E o Ação joga contra o Cuiabá, na Arena Pantanal.
Diante dos seus torcedores o Luverdense entrou em campo sabendo da responsabilidade de fazer uma partida. O jogo começou equilibrado e a primeira oportunidade foi do Ação. Em um passe errado do Luverdense o Luiz Fernando aproveitou a oportunidade e da meia lua chutou forte para o gol, mas o goleiro Diogo Silva estava atento para fazer a defesa.
A primeira grande chance do Luverdense saiu após os 15 minutos, em uma cobrança de falta e uma cabeçada de Willian, o goleiro Max pegou no reflexo evitando o gol. Pimentinha ficou com rebote, mas não aproveitou.
Os dois time continuaram criando oportunidades, o Luverdense conseguia chegar na pequena área com um pouco mais de facilidade, mas não estava conseguindo concluir as jogadas.
Na insistência em furar a defesa do Ação, Renan Oliveira bem que tentou abrir o placar para o Verdão do Norte, mas pegou a bola dividida e chutou fraco, facilitando a defesa do goleiro Max.
Só aos 42 minutos, o centroavante Rafael Silva dominou na intermediária, arriscou de longe e com uma pancada de perna direita mandou para fundo do gol. 1 a 0 Luverdense. O Ação tentou uma resposta rápida, Jackson fez uma enfiada de bola na entrada área para Luiz Fernando, que bateu para o gol, mas Diogo Silva fez a defesa.
No segundo tempo o Luverdense voltou pressionando ainda mais. Aos 11 minutos, Renan Oliveira cobrou escanteio, Paulinho por baixo tentou chutar para o gol, mas a bola foi desviada pelo jogador do Ação e saiu pela linha de fundo. Novamente Renan cobrou escanteio e Paulinho de cabeça não perdoou e fez Luverdense 2 a 0.
Na sequência o Ação tentou chegar ao gol em uma cobrança de falta, mas chutou mal e Diogo Silva acompanhou a bola sair. O Luverdense saiu tocando e Rafael Silva sofreu uma falta grave, foi derrubado na grande área por Jeanzão que ainda pisou no jogador alviverde e acabou tomando direto o cartão vermelho. A expulsão gerou uma confusão que foi contornada pelo juiz.
Depois da expulsão o Ação foi sufocado pelo Luverdense, que passou a dominar ainda mais a partida, se movimentou melhor e conseguiu chegar com mais facilidade na pequena área. Aos 32 minutos, Sodré, que estava quase um ano parado após lesão e entrou no segundo tempo, em uma troca de passes com passes com Renan Oliveira ficou na cara do gol e marcou o dele. Luverdense 3 a 0 para o Luverdense.
Para fechar a goleada Ariel passou pelo marcador, cruzou na área, tocou para Eduardo que dominou, deu um giro e ampliou ainda mais a vantagem, 4 a 0 Luverdense.