A ponte de madeira sobre o rio Braço Dois, na cidade de Nova Guarita (675 quilômetros de Cuiabá), está interditada devido à problemas estruturais, e, no intuito de evitar acidentes, os motoristas estão utilizando rotas alternativas que aumentam em até 15 km o percurso de viagem para chegar ao município de Colíder.

De acordo com Secretário de Obras do município, Noedir Flores de Oliveira, em entrevista a Secretaria de Obras já havia comunicado a Secretaria de Infraestrutura e Logística (Sinfra) sobre os danos estruturais e a interdição no local. “Houve várias cobranças em Cuiabá para resolver o problema, mas até agora não fizeram nada. Foram encaminhados vários ofícios e fotos para Sinfra, dos pilares que afundaram. Até gostaríamos de fazer uma reforma, mas o município não tem condições financeiras. A estrutura pertence ao Estado”.

Segundo Noedir Flores, o transporte dos alunos da comunidade rural Linha do Pontal está sendo feito em dois ônibus. “Um traz até a ponte e, depois, as crianças atravessam andando sobre a estrutura precária, embarcam em outro veículo e seguem para escola”, informou.

Outro lado

Até o fechamento dessa edição a assessoria da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística não se posicionou sobre o caso.