Brasília – O senador José Medeiros (Pode-MT) destinou recursos, através de emenda ao Orçamento Geral da União (OGU), de 2018, para a aquisição de equipamentos e tecnologias de inteligência e fiscalização, visando o fortalecimento da segurança na região de fronteira do estado de Mato Grosso, por meio da Polícia Rodoviária Federal (PRF). “O investimento se justifica, na medida em que os agentes de segurança pública precisam estar devidamente equipados para, além do enfrentamento ao tráfico de drogas, combater o contrabando de armas que saem das fronteiras em direção aos grandes centros metropolitanos”, afirmou.

Ao anunciar os recursos no valor de 100 milhões de reais de emenda de bancada, o senador lamentou o fato de as autoridades brasileiras estarem perdendo a guerra no combate ao tráfico de drogas. “Lamento que muitas das vezes essa luta tenha sido inglória. E não é somente o combate às drogas. É preciso lembrar que temos uma luta constante contra o contrabando e descaminho de bens e valores, roubo e furto de veículos e invasões de propriedades que estão entre os principais crimes que ocorrem na região”, disse Medeiros.

Para ele, somente investimentos “pesados” serão capazes de auxiliar o serviço de inteligência policial para prevenção dos crimes e ações na região de fronteira mato-grossense. “Mato Grosso faz divisa de 700km de fronteira seca e de 200km por rios com a Bolívia. Nos últimos cinco meses, quase três toneladas de cocaína pura foram apreendidas em Mato Grosso. Para onde ia essa cocaína? Imaginem essas três toneladas divididas em pequenas porções e espalhadas nos bairros do Rio de Janeiro e de São Paulo. Não há polícia que dê conta!”, enfatizou.