Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicou nesta terça (31) os estudos para o leilão de construção da ferrovia entre Sinop (MT) e Miritituba (PA), conhecida como Ferrogrão. A concessão será de 65 anos e vencerá o leilão quem oferecer o maior valor ao governo. O lance mínimo será de R$ 0,01.

A ferrovia terá que ser inteiramente construída pela concessionária, que ficará responsável pela implantação da infraestrutura e também pela operação dos trens.

O investimento previsto para a ferrovia, que terá 934 quilômetros de extensão, é de mais de R$ 12 bilhões. Os estudos destacam que a remuneração para a concessionária virá do serviço de transporte ferroviário. De acordo com os documentos, o risco de demanda também será integralmente assumido pela concessionária.

A Ferrogrão faz parte dos projetos do Programa de Parceria de Investimentos (PPI). A previsão do governo é publicar o edital no primeiro trimestre de 2018 e fazer o leilão o segundo trimestre de 2018.